Referência em soluções de moradia, proptech dobrou time em ano de home office

Após um ano de pandemia, as empresas já tiveram que se reinventar mais de uma vez em diversas frentes e assuntos. A exemplo da adaptação, a Yuca, proptech referência em soluções de moradia descomplicada, adotou medidas de teste de COVID para os novos moradores, apelidados de Yukers. Com a equipe da startup não foi diferente, com menos de 1 ano de operação quando a crise do COVID-19 estourou em março de 2020, a jovem empresa se deparou com um desafio: como construir cultura, reforçar valores corporativos e integrar o time num contexto de isolamento social e aumento do número de funcionários?

“Fomos de 30 para 75 membros do time. Para garantir uma boa integração das novas pessoas e reforçar os pilares da cultura durante a quarentena, precisávamos repensar os processos e rituais internos”, comenta Patrícia Nishimoto, head de People da Yuca.

Uma importante mudança foi a criação de um processo de onboarding criativo. Os novos funcionários passam por uma caça ao tesouro com instruções divertidas que, para serem resolvidas, dependem da interação com veteranos do time. O processo e resultado são, depois, compartilhados com o restante da equipe no canal de cultura do Slack da empresa.

Além disso, todas as novas contratações envolvem uma conversa com o CEO sobre os valores e culturas da Yuca. “Também apresentamos o código de ética da empresa, conversamos sobre o modelo de negócio da Yuca e como as diferentes áreas estão estruturadas. Isso tudo é importante para os novos colaboradores se sentirem em casa, bem recebidos e irem conhecendo o máximo de pessoas possíveis, apesar da distância física”, pontua Patrícia.

Outra área que recebeu atenção redobrada por parte das lideranças da Yuca foi a comunicação com o time. Pensando nisso, foi criado o Podcast Yucast, produzido e compartilhado quinzenalmente aos colaboradores por Slack. O conteúdo tem de oito a quinze minutos de duração e traz mensagem dos fundadores da startup para o time com temas relevantes e estratégicos, além de atualizações dos principais acontecimentos, trazendo um panorama do que está acontecendo na empresa, traduzindo um dos principais valores da Yuca: a transparência.

O conteúdo é escrito por Paulo Bichucher, COO e co-founder da Yuca, e narrado e comentado por um voluntário do time. O formato inovador foi adaptado a partir de uma newsletter que os colaboradores recebiam por e-mail quinzenalmente. “Sentimos falta de engajamento do time com o formato de newsletter. Por isso, o podcast foi muito assertivo, temos feedbacks e discussões muito interessantes a partir do conteúdo”, comenta a head de People.

Tendo em vista a integração da equipe, importante pilar da startup, foram lançados dois projetos: o Yuca Talks e o Tapioca. A primeira iniciativa traz uma pessoa do time para apresentar algo não relacionado a trabalho, como um hobby ou um tema de interesse pessoal. Astronomia, automobilismo, desenvolvimento mobile e mindfulness são alguns dos temas já abordados na dinâmica de interação e descontração. Já o Tapioca é uma ferramenta dentro do Slack que sorteia semanalmente e de forma aleatória três pessoas para fazerem uma pausa e conversarem. A ação funciona como substituta da hora do cafezinho no escritório e ajuda a aproximar o time.

Buscando implementar sua missão no cotidiano de trabalho, quinzenalmente o time promove discussões relacionadas com os valores da Yuca, o que gera trocas e reflexões importantes para a consolidação da cultura da proptech.  E, para não perder o hábito, o time faz questão de manter os happy hours online uma vez por mês.